Author Topic: Shaving made easy - Descomplicando o barbear.  (Read 87275 times)

Offline thisisheavy

  • Trade Count: (+1)
  • Maçarico
  • *
  • Posts: 8
  • Respect: 0
Shaving made easy - Descomplicando o barbear.
« Reply #30 on: January 14, 2014, 10:17:53 pm »
0
Tenho de dizer que depois de aplicar alguns conceitos aqui expostos, tive o melhor escanhoado até hoje, nomeadamente em termos de irritação e no conforto durante e após o escanhoado.
Já tenho aqui material de leitura e pesquisa para me entreter.
No geral estou muito agradado com os resultados.
:)

Offline FML

  • Trade Count: (+3)
  • Rocket Man
  • **********************************
  • Posts: 4896
  • Respect: +129
Re: Shaving made easy - Descomplicando o barbear.
« Reply #31 on: January 15, 2014, 04:34:13 am »
0
Na parte de barbear, este livro não vem acrescentar nada à minha técnica (a não ser a questão da toalha quente no final). As técnicas lá descritas são corretas, a justificação de algumas delas nem por isso... (na minha opinião claro). É uma situação caricata, se fosse matemática, poder-se-ia dizer que as respostas estão corretas mas a resolução do problema nem por isso  :P

O confrade Gago deu um toque pessoal explicando o livro e acrescentou informações valiosas. Por isso felicito-o  :)

Este tópico está muito bem colocado em Sticky!

Gostaria de acrescentar que aprendi bastante na parte das navalhas, esta parte merece uma leitura. Mesmo quem não pretende usar navalhas, pode tirar uma ou outra ilação dessa parte do livro.

Voltando à toalha quente no final, não passei a usar toalha, mas reparei que usar água quente para lavar a cara (desde que não haja irritação ou cortes) lava bem os resíduos de espuma, confere elasticidade e retira a oleosidade da pele. Este procedimento desencadeia uma reação compensatória da pele que acaba por criar mais oleosidade que o normal para repor a hidratação, resultando numa pele melhor hidratada. Mesmo com o frio que se faz sentir, tenho reparado que a pele fica hidratada e dispensa mesmo outros produtos.

Conclusão: quando o barbear corre bem, água quente é boa, quando corre mal (ou se tem tendência ao rubor) é mais seguro recorrer a água fria e outros produtos.

Offline Caramelo

  • Trade Count: (+1)
  • Casca DOVO
  • **
  • Posts: 21
  • Respect: +26
    • Email
Re: Shaving made easy - Descomplicando o barbear.
« Reply #32 on: January 15, 2014, 08:15:52 am »
0
Na parte de barbear, este livro não vem acrescentar nada à minha técnica (a não ser a questão da toalha quente no final). As técnicas lá descritas são corretas, a justificação de algumas delas nem por isso... (na minha opinião claro). É uma situação caricata, se fosse matemática, poder-se-ia dizer que as respostas estão corretas mas a resolução do problema nem por isso  :P

O confrade Gago deu um toque pessoal explicando o livro e acrescentou informações valiosas. Por isso felicito-o  :)

Este tópico está muito bem colocado em Sticky!

Gostaria de acrescentar que aprendi bastante na parte das navalhas, esta parte merece uma leitura. Mesmo quem não pretende usar navalhas, pode tirar uma ou outra ilação dessa parte do livro.

Voltando à toalha quente no final, não passei a usar toalha, mas reparei que usar água quente para lavar a cara (desde que não haja irritação ou cortes) lava bem os resíduos de espuma, confere elasticidade e retira a oleosidade da pele. Este procedimento desencadeia uma reação compensatória da pele que acaba por criar mais oleosidade que o normal para repor a hidratação, resultando numa pele melhor hidratada. Mesmo com o frio que se faz sentir, tenho reparado que a pele fica hidratada e dispensa mesmo outros produtos.

Conclusão: quando o barbear corre bem, água quente é boa, quando corre mal (ou se tem tendência ao rubor) é mais seguro recorrer a água fria e outros produtos.

  Prefiro o uso da agua fria (no fim) seguida da aplicação de um balsamo...

Offline oversaturn

  • Moderador Global
  • Trade Count: (+4)
  • D.Quijote de La Toja
  • *
  • Posts: 19711
  • Respect: +404
Re: Shaving made easy - Descomplicando o barbear.
« Reply #33 on: January 15, 2014, 09:20:09 am »
0
[...]
Voltando à toalha quente no final, não passei a usar toalha, mas reparei que usar água quente para lavar a cara (desde que não haja irritação ou cortes) lava bem os resíduos de espuma, confere elasticidade e retira a oleosidade da pele. Este procedimento desencadeia uma reação compensatória da pele que acaba por criar mais oleosidade que o normal para repor a hidratação, resultando numa pele melhor hidratada. Mesmo com o frio que se faz sentir, tenho reparado que a pele fica hidratada e dispensa mesmo outros produtos.

Conclusão: quando o barbear corre bem, água quente é boa, quando corre mal (ou se tem tendência ao rubor) é mais seguro recorrer a água fria e outros produtos.
Eu uso sempre água quente (ou morna) para enxaguar, apenas porque gostava do resultado e era mais confortável (sabe bem, ora!).  :D

Nunca tinha pensado muito nisso, mas esta explicação (e a do livro) acaba por fazer sentido :)
I wish I could be half as sure of anything as some people are of everything...


Como colocar imagens no fórum? Vê aqui.
O que é o double-post e como evitar

Offline Gago

  • Monsieur Thiers Issard
  • Trade Count: (+49)
  • D.Quijote de La Toja
  • *
  • Posts: 10699
  • Respect: +211
    • Email
Re: Shaving made easy - Descomplicando o barbear.
« Reply #34 on: January 15, 2014, 10:00:31 am »
0
Na parte de barbear, este livro não vem acrescentar nada à minha técnica (a não ser a questão da toalha quente no final). As técnicas lá descritas são corretas, a justificação de algumas delas nem por isso... (na minha opinião claro). É uma situação caricata, se fosse matemática, poder-se-ia dizer que as respostas estão corretas mas a resolução do problema nem por isso  :P

O confrade Gago deu um toque pessoal explicando o livro e acrescentou informações valiosas. Por isso felicito-o  :)

Este tópico está muito bem colocado em Sticky!

Gostaria de acrescentar que aprendi bastante na parte das navalhas, esta parte merece uma leitura. Mesmo quem não pretende usar navalhas, pode tirar uma ou outra ilação dessa parte do livro.

Voltando à toalha quente no final, não passei a usar toalha, mas reparei que usar água quente para lavar a cara (desde que não haja irritação ou cortes) lava bem os resíduos de espuma, confere elasticidade e retira a oleosidade da pele. Este procedimento desencadeia uma reação compensatória da pele que acaba por criar mais oleosidade que o normal para repor a hidratação, resultando numa pele melhor hidratada. Mesmo com o frio que se faz sentir, tenho reparado que a pele fica hidratada e dispensa mesmo outros produtos.

Conclusão: quando o barbear corre bem, água quente é boa, quando corre mal (ou se tem tendência ao rubor) é mais seguro recorrer a água fria e outros produtos.

Obrigado Flavio! ;)

Ignorei boa parte do livro, que trata das navalhas, porque minha compreensão sobre elas é pequena.
 Mas realmente nesta parte as dicas são muito boas, quando tiver um tempinho vou traduzir aquilo e postar na seção adequada.

Offline André Luiz.

  • Trade Count: (+21)
  • Personna grata
  • **************
  • Posts: 770
  • Respect: +4
    • Email
Re: Shaving made easy - Descomplicando o barbear.
« Reply #35 on: January 15, 2014, 10:29:22 am »
+1
Pele é igual C... cada um tem a sua mesmo___interessante o conflitos de opnioes,na verdade voltamos a estaca Zero__________tudo depende do sabao,lamina,navalha,SR,after shave e e ja li topicos aqui falando sobre a agua a ser usada rs eu ja acho q tudo se resume a pele,oq é bom pra mim nao pode ser pra vc...concluindo" a verdade é que nada sabemos"

Offline JLTG

  • Aspirante a ajudante de auxiliar de aprendiz
  • Moderador Emérito
  • Trade Count: (+6)
  • D.Quijote de La Toja
  • **************************************************
  • Posts: 11138
  • Respect: +26
    • Email
Re: Shaving made easy - Descomplicando o barbear.
« Reply #36 on: January 15, 2014, 11:03:04 am »
+1
Eu, como sempre me barbeio antes do banho, não achei novidade nessa parte! Tentei não usar nada de hidratação antes do barbear, nem lavar o rosto e a 1ª passagem foi desconfortável! Ainda prefiro lavar o rosto com água morna e um sabonete hidratante (La Toja, preferencialmente), depois aplicar algum pré-barba ( TOBS gel, no momento) e então fazer espuma na cara!
O método deve funcionar com os tigeleiros!
José Luís Tomé Gonçalves

“Elogie em público e corrija em particular. Um líder corrige sem ofender e orienta sem humilhar." - Mario Sergio Cortella

“Se cortar, espirra sangue!” - José Luiz da Costa Gonçalves

Offline ZECA

  • Trade Count: (+3)
  • Com Proraso, eu arraso
  • ****************
  • Posts: 993
  • Shepherd Neame IPA
  • Respect: +1
    • Email
Re: Shaving made easy - Descomplicando o barbear.
« Reply #37 on: January 15, 2014, 11:04:42 am »
0
SME testado e aprovado... Com uma ressalva:
Percebi que as imperfeições da pele (cravos, espinhas,
acnes, verrugas, pintas, perebas, câncrios..........) ficam
mais suscetíveis a um "atropelo" por parte da lâmina.
Ontem a noite quase decepei uma pinta e uma espinha!
Acho que agora com a pele menos elástica, o cuidado com
esses obstáculos deve ser a prioridade.
Zeca (BarbaCabeloeBigode)
Londrina, PR - Brasil

Offline Caramelo

  • Trade Count: (+1)
  • Casca DOVO
  • **
  • Posts: 21
  • Respect: +26
    • Email
Re: Shaving made easy - Descomplicando o barbear.
« Reply #38 on: January 15, 2014, 11:23:29 am »
0
SME testado e aprovado... Com uma ressalva:
Percebi que as imperfeições da pele (cravos, espinhas,
acnes, verrugas, pintas, perebas, câncrios..........) ficam
mais suscetíveis a um "atropelo" por parte da lâmina.
Ontem a noite quase decepei uma pinta e uma espinha!
Acho que agora com a pele menos elástica, o cuidado com
esses obstáculos deve ser a prioridade.

 Independentemente do decapante (lamina) ou agua fria ou quente, a qualidade do sabão ou creme terão mais importancia na acção do decapante...

Offline carraro

  • Trade Count: (+8)
  • Vigorosamente Floïd
  • *************
  • Posts: 662
  • Respect: +6
    • Email
Re: Shaving made easy - Descomplicando o barbear.
« Reply #39 on: January 15, 2014, 12:00:57 pm »
0
Eu penso que são tantas variáveis e tão difíceis de isolar (sabão, lâmina, máquina, pele, pincel, pressão e posição da mão, técnica, condições do clima, temperatura da água, pós-barba, pré-barba, etc), que fica impossível fazer um diagnóstico muito claro.

Às vezes, de um dia para o outro, mesmo sem alterar os produtos, passados de um escanhoado ótimo para um meramente aceitável ou até ruim e não entendemos perfeitamente a razão disso.

Quanto mais tempo estou nesta religião BC mais eu vejo que esta talvez seja a única religião que não aceita dogmas. Exceto situações extremas, não há nada absolutamente certo ou completamente errado. O importante é ser feliz. Evidentemente, valem muito as experiências e as recomendações de cada confrade. Vemos, aprendemos e testamos. Se funcionar, excelente. Se não prestar para mim, com certeza terá utilidade para alguém.

Offline Mig

  • Trade Count: (+4)
  • Numa nice c/ Old Spice
  • ******************
  • Posts: 1251
  • Respect: 0
Re: Shaving made easy - Descomplicando o barbear.
« Reply #40 on: January 15, 2014, 12:13:08 pm »
0
Eu penso que são tantas variáveis e tão difíceis de isolar (sabão, lâmina, máquina, pele, pincel, pressão e posição da mão, técnica, condições do clima, temperatura da água, pós-barba, pré-barba, etc), que fica impossível fazer um diagnóstico muito claro.

Às vezes, de um dia para o outro, mesmo sem alterar os produtos, passados de um escanhoado ótimo para um meramente aceitável ou até ruim e não entendemos perfeitamente a razão disso.

Quanto mais tempo estou nesta religião BC mais eu vejo que esta talvez seja a única religião que não aceita dogmas. Exceto situações extremas, não há nada absolutamente certo ou completamente errado. O importante é ser feliz. Evidentemente, valem muito as experiências e as recomendações de cada confrade. Vemos, aprendemos e testamos. Se funcionar, excelente. Se não prestar para mim, com certeza terá utilidade para alguém.

Concordo plenamente, o importante é absorver as informações e depois usar o que melhor resulta para cada um.

Offline FML

  • Trade Count: (+3)
  • Rocket Man
  • **********************************
  • Posts: 4896
  • Respect: +129
Re: Shaving made easy - Descomplicando o barbear.
« Reply #41 on: January 15, 2014, 12:15:09 pm »
0
Pele é igual C... cada um tem a sua mesmo___interessante o conflitos de opnioes,na verdade voltamos a estaca Zero__________tudo depende do sabao,lamina,navalha,SR,after shave e e ja li topicos aqui falando sobre a agua a ser usada rs eu ja acho q tudo se resume a pele,oq é bom pra mim nao pode ser pra vc...concluindo" a verdade é que nada sabemos"

Até mesmo a mesma pessoa vai ter perceções diferentes com o tempo e outros fatores. Por exemplo, eu aqui há uns dois anos cheguei à conclusão que água quente nem pensar, era demasiado doloroso. Agora que não irrito a pele, posso dizer que funciona muito bem. Pelo menos com este tempo frio em que a pele não tende ao oleoso.

Eu, como sempre me barbeio antes do banho, não achei novidade nessa parte! Tentei não usar nada de hidratação antes do barbear, nem lavar o rosto e a 1ª passagem foi desconfortável! Ainda prefiro lavar o rosto com água morna e um sabonete hidratante (La Toja, preferencialmente), depois aplicar algum pré-barba ( TOBS gel, no momento) e então fazer espuma na cara!
O método deve funcionar com os tigeleiros!

O livro manda lavar a cara e na minha opinião não é a espuma que retira a oleosidade do pelo mas sim essa lavagem prévia. Ainda considero a lavagem com um sabonete de glicerina o melhor prébarba.

Curiosamente tenho experimentado o Proraso e não tenho sentido grandes melhorias...

Independentemente do decapante (lamina) ou agua fria ou quente, a qualidade do sabão ou creme terão mais importancia na acção do decapante...

Uma das falhas do livro é esquecer que a função da espuma é essencialmente protetora e lubrificante para a lâmina.

Offline Caramelo

  • Trade Count: (+1)
  • Casca DOVO
  • **
  • Posts: 21
  • Respect: +26
    • Email
Re: Shaving made easy - Descomplicando o barbear.
« Reply #42 on: January 15, 2014, 12:30:40 pm »
0


Uma das falhas do livro é esquecer que a função da espuma é essencialmente protetora e lubrificante para a lâmina.

 Na altura deveria de existir o sabão/creme, presentemente existem os sabões/cremes...

Offline Stützel

  • Trade Count: (+13)
  • Rocket Man
  • **********************************
  • Posts: 5124
  • Stärke und Ehre!!
  • Respect: +78
    • Email
Re: Shaving made easy - Descomplicando o barbear.
« Reply #43 on: January 15, 2014, 12:43:15 pm »
0
Realmente e uma Discussão sem fim, os métodos ou técnicas usadas  no escanhoado são distintas, mas com o mesmo resultado, o método "Shaving made easy " a própria leitura já diz tudo, e um método dinâmico e eficaz, que dependendo do aparelho que usamos, demanda um pouco mais de cuidado, a hidratação da pele e muito individual, e vai alem somente de água fria, morna, ou quente, desde quando comecei a cortar as penugens, inconscientemente já era adepto deste método, sempre com navalhete, a pouco tempo estou usar água morna/quente com toalha, sempre que posso, noto uma diferença considerável,  parece coisa atoa, mas o barbear se utiliza as duas mãos, uma para o aparelho e outra para esticar bem a pele, e isso faz uma diferença com o uso de água morna/quente, o "Shaving made easy" e maravilhoso principalmente para quem esta a iniciar na arte, pôs é rápido, não manda recado, faz o serviço e pronto.

Abraço

Offline MotaJV

  • Trade Count: (+7)
  • Astra-ólogo
  • *********************************
  • Posts: 4667
  • Curitiba/PR - Brasil
  • Respect: +85
    • Email
Re: Shaving made easy - Descomplicando o barbear.
« Reply #44 on: January 15, 2014, 12:47:49 pm »
0
Eu tenho a mania de querer simplificar tudo que faço, desde que não haja prejuízos.

Meus escanhoados no início pareciam um ritual sagrado  :D Tinham muitas etapas, que somavam uns 40 minutos.

Já havia excluido muitas coisas. Água quente, lavar o rosto com sabonete Dove como pré, Thayers, pós 1, rotina de limpeza diária nas SRs e talvez uma ou outra coisa.

Tudo isto fui tirando um a um, e não vendo prejuízo ao resultado final do escanhoado, não pus de volta.

Agora também excluí as passagens de água entre as passadas.

Não estou lavando a cara antes. Quando começamos a fazer a espuma na tigela, ela está normalmente fluida e com bolhas. Aplico esta espuma na cara e continuo a preparar a versão final na tigela. Um minuto depois retiro a pré espuma da cara, aplico a espuma já pronta, e toca a escanhoar.

Eu imaginei que a espuma ficaria seca e sem deslize, mas nem uma nem outra coisa ocorreu.

Então, se simplifica e não prejudica, vai ficar assim!  ;D
But the tigers come at night

Tags:
 

SimplePortal 2.3.5 © 2008-2012, SimplePortal